A Secretaria da Segurança Pública se reuniu nesta segunda-feira (16) com representantes dos manifestantes pró-Lula acampados no entorno da Polícia Federal no bairro Santa Cândida em Curitiba, além de membros da CUT, MST, PT, Ministério Público, PF, Prefeitura de Curitiba, Departamento de Inteligência e comando da Polícia Militar. 

Ficou acordado que os manifestantes vão desmobilizar até as 18h desta terça-feira (17) o acampamento – podendo permanecer, em um imóvel particular, quatro tendas para prestar apoio aos manifestantes. A Prefeitura de Curitiba disponibilizou o Parque do Atuba que será usado pelos manifestantes. O movimento de apoio ao ex-presidente poderá fazer manifestações até as 21h e com o uso de som até as 19h30. 

Em contrapartida, a Prefeitura de Curitiba vai pedir a suspensão da ação em resultou na aplicação de multa em R$ 500 mil em caso de desobediência da decisão judicial do interdito proibitório.

Foto @Maya.nrz/Instagram

Comments

comments