Aplicativo brasileiro T81, concorrente ao Uber, chega a Curitiba

Além de serviço de deslocamento de passageiros, app ainda oferece serviços de motodelivery e mototáxi.

A partir do dia nove de dezembro, o aplicativo brasileiro T81, concorrente direto do Uber, começa a funcionar em Curitiba. Criado em março deste ano em Recife (PE), o app já atua em oito cidades brasileiras, sendo Joinville (SC) e sete capitais: Recife (PE), Rio de Janeiro (RJ), São Paulo (SP), Fortaleza (CE), Goiânia (GO), Aracaju (SE) e Curitiba (PR). O aplicativo atende cerca de 50 mil usuários e tem mais de 35 mil motoristas cadastrados no Brasil.

Segundo Bruno Pereira, sócio-gestor do projeto em Curitiba, o aplicativo surgiu com a ideia de conectar passageiros a motoristas e apresentar serviços diferenciados de entregas. “Diferente de outros aplicativos existentes que oferecem apenas o serviço de deslocamento de passageiros, o T81 também disponibiliza o sistema de motodelivery e, nas cidades em que existe regulamentação, serviço de mototáxi”, explica.

Outro diferencial do T81 é de não impor o sistema de tarifa dinâmica para o deslocamento de passageiro. “A tarifa dinâmica basicamente calcula o valor da corrida conforme a demanda de passageiros, se a demanda está alta, o valor será maior. No T81 não existe essa cobrança adicional, os valores são fixos, permitindo uma economia de até 60% ao passageiro”, conta o gestor.

O sistema de funcionamento do aplicativo é bem simples, basta baixar e fazer o cadastro. “Se o usuário preferir, pode pagar a corrida em dinheiro, sem a necessidade de cadastrar um cartão de crédito à conta. Estamos liberando uma promoção para o lançamento do aplicativo, em que todo o usuário que se cadastrar ganha um voucher de desconto para utilizar na corrida. Também vamos lançar algumas ações promocionais em bares e restaurantes”, diz Pereira.

Ele explica que o aplicativo também pode ser utilizado por taxistas em horários alternativos. “A ideia do app é integrar os sistemas de transporte, trazendo mobilidade aos passageiros e proporcionando aos motoristas outras opções de oferta de serviço”, afirma.

No caso dos taxistas, o aplicativo tem como objetivo ser uma plataforma inclusiva. “A T81 dá a oportunidade do taxista não perder corrida, utilizando o taxímetro e o aplicativo. Nesse sistema, ele pode utilizar o app enquanto estiver ocioso no ponto aguardando corrida, por exemplo”, relata Pereira.

Para os motoristas interessados em se cadastrar no aplicativo, é preciso cumprir algumas exigências como apresentar certidão negativa de antecedentes criminais e estar em dia com a documentação do veículo. “Os profissionais que prestam serviço pelo T81 também passam por cursos e testes internos para garantir o melhor atendimento ao usuário”, esclarece o gestor.

Sobre a T81

A T81 é uma empresa integralmente nacional fundada em março de 2016, em Recife (PE). A empresa surgiu com a ideia de oferecer um aplicativo diferenciado que conecta passageiros a motoristas. Além disso, oferece serviço de motodelivery e de mototáxi. Com a cobrança de tarifa fixa, o valor da corrida chega a ser até 60% mais barata do que no sistema de táxi convencional, além de não utilizar a tarifa dinâmica como em outros aplicativos similares. O aplicativo T81 atua em oito cidades: Recife (PE), Rio de Janeiro (RJ), São Paulo (SP), Fortaleza (CE), Goiânia (GO), Aracaju (SE), Joinville (SC) e Curitiba (PR), tem cerca de 50 mil usuários e mais de 35 mil motoristas cadastrados no Brasil. Mais informações no site www.t81.com.br

Comments

comments

Deixe um comentário