fbpx
Conecte-se conosco

Paraná

Vereadores de Cascavel fazem documento para repudiar especial de Natal do Netflix que mostra Jesus como gay

Publicado

em

Dezessete vereadores de Cascavel assinaram uma moção de repúdio sobre um especial de Natal que mostra Jesus como gay. O programa foi produzido pelos humoristas do Porta dos Fundos e veiculado na plataforma Netflix, gerando polêmica nas últimas semanas.

Na trama, Jesus é interpretado por Gregório Duvivier e chega a uma festa surpresa após passar 40 dias no deserto acompanhado do personagem de Fabio Porchat, Orlando. Outros personagens bíblicos, são satirizados.

O vereador Misael Junior entende que o conteúdo é ofensivo.

“São piadas grosseiras, perversas e sem nenhuma fundamentação histórica ou religiosa, denegriram a imagem de Jesus Cristo, por isso nosso repúdio”.

O documento diz que a produtora Porta dos Fundos e a Empresa Netflix devem ser notificadas sobre a moção e sobre a “revolta da população cascavelense”.

A proposta já foi lida e vai a votação ainda hoje.

Além de Misael, o documento foi assinado por Alécio Espínola, Rômulo Quintino, Olavo Santos, Pedro Sampaio, Rafael Brugnerotto, Parra, Josué de Souza, Carlinhos de Oliveira, Cabral, Nadir Lovera, Policial Madril, Mauro Seibert, Celso Dal Molin, Mazutti, Jaime Vasatta e Valdecir Alcântara.

Às informações são da CGN

Cadastre-se gratuitamente em nossa newsletter
Cadastre o seu email
I agree to have my personal information transfered to MailChimp ( more information )
We respect your privacy

Comments

comments

MAIS LIDAS