Conecte-se conosco

Notícias

UPAs adotam novo sistema que promete reduzir o tempo de espera dos pacientes em Curitiba

Publicado

em

Foto: Divulgação

A partir desta sexta-feira (25), cinco Unidades de Pronto Atendimento (UPAs) de Curitiba iniciam a implantação de novo fluxo de trabalho com o objetivo de reduzir as filas de espera e melhorar os atendimentos prestados aos pacientes. A mudança vem da aplicação do Projeto Lean do Ministério da Saúde (MS).

De acordo com o ministério, a iniciativa, conduzida pelo Hospital Sírio-Libanês, busca agilizar e aprimorar os atendimentos de urgência e emergência em todo o país. O método institui somente o uso dos recursos necessários para a realização do trabalho, evitando desperdícios e fazendo melhorias contínuas.

A metodologia propõe mudanças nos fluxos de trabalho para reduzir desperdícios, ampliar a produtividade dos profissionais e otimizar o tempo e a qualidade do atendimento. Para isso, serão feitos ajustes internos, desde mudanças logísticas até alteração das funções desempenhadas por cada profissional no dia a dia.

Publicidade