fbpx Roberto Jefferson diz que Maia prepara golpe para derrubar Bolsonaro | XV Curitiba
Conecte-se conosco

Notícias

Roberto Jefferson diz que Maia prepara golpe para derrubar Bolsonaro

Publicado

em

Foto: Valter Campanato | Agência Brasil

O deputado federal Roberto Jefferson (PTB-RJ) afirmou, em live na internet na noite deste domingo (19), que o presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ), prepara um golpe contra o presidente Jair Bolsonaro.

As declarações foram concedidas durante uma conversa com o jornalista Oswaldo Eustáquio.

Segundo ele, Maia já encomendou um pedido de impeachment ao presidente da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), Felipe Santa Cruz, contra o presidente da República.

“Há um projeto em curso para tentar impedir o presidente Bolsonaro”, denunciou o parlamentar. “O pedido de impeachment fica na gaveta aguardando um momento oportuno”, continuou.

A justificativa dele é que pedido seria em prol da ingovernabilidade do presidente.

“Quando a pauta do Congresso Nacional não é do governo, o presidente está ingovernável. A ingovernabilidade é motivo para pedido de impeachment”, explicou.

Roberto Jefferson disse que, para justificar o impeachment, Rodrigo Maia está colocando as próprias pautas a frente das pautas do governo na Câmara.

 

“O Rodrigo Maia e o [Davi] Alcolumbre [presidente do Senado], liderado pelo Maia, vêm tomando a agenda política das mãos do presidente Bolsonaro.”

Reeleição

O parlamentar ainda denunciou uma suposta tentativa de golpe de Rodrigo Maia para permanecer na presidência na Câmara.

Vale destacar que o mandato de Msia encerra em fevereiro e ele não pode concorrer à reeleição.

Maia, de acordo com os relatos de Jefferson, fez um grande movimento para resgatar a PEC 101, de 2003, que permite que um deputado presida a Casa mais de uma vez na mesma legislatura.

A proposta já passou pelas comissões e está pronta para ir ao plenário.

“Há pressão dentro da Câmara pela reeleição”, disse.

Ele ainda assegurou que Maia tem buscado fechar um acordo com a oposição para conduzir o impeachment de Bolsonaro. Em troca, Maia receberia a reeleição para a presidência da Câmara.

“Esse escândalo, essa violência institucional, está para ser praticada a qualquer momento”, alertou. “O presidente tem que agir imediatamente”.

Cadastre-se gratuitamente em nossa newsletter
Cadastre o seu email
I agree to have my personal information transfered to MailChimp ( more information )
We respect your privacy