Conecte-se conosco

Notícias

Renan Calheiros diz que “CPI acelerou a vacinação no Brasil”

Publicado

em

Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil

O senador Renan Calheiros (MDB-AL), relator da CPI da COVID, iniciou sua participação na sessão desta terça-feira (14), com duras críticas ao governo Bolsonaro. O parlamentar lembrou que a comissão faz sua 53ª reunião e, durante quase cinco meses, “não se intimidou diante de ameaças e bravatas” e cumpriu seu papel com resultados relevantes no combate à pandemia de covid-19 e na investigação sobre as ações e omissões do governo.

Segundo Calheiros, a CPI contribuiu em várias frentes, entre elas para a aceleração da vacinação no país e para derrubar narrativas anticientíficas, como da chamada imunidade de rebanho e do “tratamento precoce”.

“A ênfase dada pela comissão de inquérito permitiu que essa falsa abordagem fosse desmoralizada, a ponto de o ministro da Saúde admitir que cloroquina e ivermectina são ineficazes contra a doença. Isso ajudou as pessoas a aderirem a imunização, em caminho contrário ao que disse o presidente Jair Bolsonaro, em janeiro, de que metade da população não tomaria vacina”, declarou o senador.

Publicidade