Qualidade musical é o que não faltou no show de Joss Stone em Curitiba

Britânica passou pela capital paranaense com sua turnê em comemoração aos seus 20 anos de carreira

Felipe Almeida
6 Min de leitura

Capa – Stereo Pop

Na última segunda-feira (24), a cantora Joss Stone se apresentou no palco do Teatro Positivo com show de sua turnê “20 Years of Soul”, comemorando seus 20 anos de carreira.

Com oito álbuns lançados e mais de 10 milhões de cópias vendidas em todo o mundo, a britânica é ganhadora dos principais prêmios da indústria musical, como o Brit Awards e o Grammy.

O seu álbum de estreia, “The Soul Sessions”, lançado quando tinha apenas 15 anos, conta com o cover do sucesso do White Stripes, “Fell in love with a girl”, intiulada de “Fell In Love With a Boy”, dominando o topo das paradas e dando início a uma longa e duradora jornada na música.

Já o  segundo álbum, “Mind, Body and Soul”, rendeu três indicações ao Grammy, incluindo de Melhor Artista Revelação e Melhor Álbum Pop vocal.

Excelência musical

Em Curitiba, carisma e qualidade musical não faltaram durante os mais de 90 minutos de duração do show, que teve início com um medley especial com os sucessos “You Had Me”, “Free Me”, “Bad Habit” e “You Got The Love”. Logo em seguida, foi a vez de Joss se arriscar no Português e demonstrar um pouco do seu amor pelos fãs brasileiros, sendo sua quinta vez no Brasil. 

“Eu queria agradecer vocês por esses 20 anos juntos e dizer que desejo compartilhar mais 20 anos com vocês. Afinal, tudo isso só foi possível por causa de cada um de vocês”, disse ela um pouco insegura e finalizando em Inglês como a Língua Portuguesa é linda, porém difícil.

A cada canção, Joss explicava um pouco sobre a história da composição e de qual álbum fazia parte. Em “Jet Lag”, a cantora fala que foi a primeira música que compôs com 14 anos. “Eu não tinha muita certeza do que eu estava fazendo, mas ele tinha”, mencionando o tecladista de sua banda que a acompanha desde aquela época.

Os músicos que dividem o palco com a cantora são assustadoramente talentosos, principalmente os backing vocals que deixaram o público boquiaberto com seus melismas e acrobacias vocais. A química dos integrantes com Joss Stone é perceptível, mostrando que, além de ser uma grande artista, a britânica também aparenta ser uma boa pessoa. “Achou que eu fosse esquecer seu aniversário?”, disse Joss depois de cantar parabéns para o seu baterista no palco.

Como se todo o carinho da britânica não fosse suficiente, Joss ainda foi para o público durante a performance de “Super, Duper Love”. Do palco à outra ponta do teatro….esse foi o percurso da cantora durante a canção, causando frisson do público, com muitos tentando tirar uma sonhada selfie com a diva do soul, 

“Eu adoro essa música porque ela nos permite errar. Ou melhor, ela nos diz que erra pode ser lindo”, comentou Stone antes da canção “Right to be Wrong”. O público presente acompanhou a cantora do início ao fim.

@stereopop Joss Stone encerrou sua curta turnê pelo Brasil em Curitiba, depois de ter passado por São Paulo e Belo Horizonte. Em uma apresentação com quase 2 horas de duração, a britânica apresentou inúmeros sucessos de seus 20 anos de carreira, lembrando a todos o porquê é conhecida como uma das maiores vozes da atualidade. Música: Right to be Wrong #jossstone #Curitiba #Brasil #Mcaconcerts #righttobewrong #aovivo #soul #blues #StereoPop #superduperlove #youhadme #neverforgetmylove @JossStone #showinternacional #SaoPaulo #belohorizonte ♬ som original – Stereo Pop

A inesquecível versão “Fell In Love With a Boy” foi um convite para o público dançar e esquecer que o show estava rolando em plena segunda-feira, proporcionando uma energia coletiva inesquecível para iniciar a semana.

O icônico cover do hit de Janis Joplin, “Piece of My Heart” também exaltou toda a potência vocal da cantora, deixando bem claro que Joss seria capaz de cantar a lista telefônica de trás para frente que o resultado seria positivo.

No total, o repertório contou com cerca de 18 canções e inúmeros momentos de interação e demonstração de carinho com o público.

Houve também três trocas de roupas durante o show. Inicialmente, a cantora sobe ao palco com um vestido branco, quase com um visual angelical. Depois, um vestido brilhante, um pouco mais apegado ao corpo, foi usado pela cantora, relembrando noites clássicas de clubes de jazz. Já no final, Joss apareceu com um macacão com detalhes em transparência e brilho, um visual mais descontraído para encerrar a apresentação em contato com o público, entregando girassóis e cumprimentando os mais próximos na plateia. 

Mesmo com 20 anos de carreira, 2 filhos e muitos shows na bagagem, parece que a voz da britânica está envelhecendo como vinho, se tornando cada vez melhor com o tempo. Os seus sucessos de quando tinha menos de 20 anos ainda são executados no mesmo tom e seus hits mais recentes exigem uma disciplina vocal ainda mais complexa.

A realização do show “20 Years of Soul” da Joss Stone em Curitiba foi da MCA Concerts.

Compartilhe o artigo
Follow:
O Stereo Pop é um blog, criado pelo comunicador Felipe Almeida, que reúne tudo sobre filmes, séries, música, um pouco de games e o universo pop em geral, com uma linguagem despojada e informativa.