Negado pedido de liberdade para homem que esfaqueou quatro pessoas em bar de Curitiba

XV CURITIBA
2 Min de leitura
Foto: Divulgação

A Justiça negou o pedido de liberdade ao homem de 27 anos acusado de esfaquear quatro pessoas em um bar no Campina do Siqueira, Curitiba, no último fim de semana. O incidente resultou na morte de um dos clientes e deixou três feridos. De acordo com o depoimento prestado à Polícia Civil, o suspeito alega que teve um surto e não se lembra do momento em que atacou as vítimas.

 

O incidente ocorreu após o segurança do estabelecimento ter pedido ao suspeito que não acendesse um cigarro em um local onde isso é proibido, momento no qual o homem teria reagido violentamente.

 

O suspeito, cujo nome não foi revelado, afirmou à delegada que é portador de um distúrbio de personalidade, faz uso de medicação psiquiátrica e está em acompanhamento psicológico. Segundo seu testemunho, ele não tinha qualquer relação prévia com as vítimas do ataque.

 

Mauri José Glus, de 49 anos, foi a vítima fatal do ataque, falecendo antes da chegada do atendimento médico. Seu corpo foi sepultado ontem, 23 de julho, no Cemitério Orleans. Além dele, um homem de 57 anos foi hospitalizado em estado grave no Hospital Evangélico-Mackenzie, enquanto uma jovem de 22 anos foi atendida no Hospital do Trabalhador e já recebeu alta.

 

A quarta vítima, uma mulher de 43 anos, sofreu ferimentos leves e não necessitou de atendimento hospitalar.

Compartilhe o artigo
Follow:
O Portal XV Curitiba é um dos principais sites de notícias de Curitiba, capital do Paraná. Reconhecido por seu compromisso com a verdade e a integridade jornalística, o portal se dedica a cobrir todas as facetas da vida na cidade.