Marginal de ataque a bar em Curitiba teria deixado emprego e sido expulso de casa

XV CURITIBA
2 Min de leitura

A Polícia Civil do Paraná trouxe à tona novas informações sobre o jovem de 27 anos, suspeito de realizar um ataque a um bar da capital paranaense. Segundo as autoridades, o rapaz havia sido expulso de casa apenas alguns dias antes do crime. A situação só veio à tona depois de um estranho episódio ocorrido em um flat da cidade.

 

O jovem, que atuava como cozinheiro, reservou uma diária no flat na quinta-feira (20) e, de forma atípica, não realizou o check-out no dia seguinte. “Os funcionários perceberam a ausência da saída dele, mas quando foram verificar, ele já não estava mais no local”, relatou o delegado João Vitor Pinhão.

 

No que parece ser uma sequência de eventos incomuns na vida do suspeito, foi revelado também que ele havia encerrado seu vínculo empregatício com o restaurante onde trabalhava. A rescisão contratual teria sido feita justamente no mesmo dia em que ele se hospedou no flat, na quinta-feira (20).

 

O delegado Pinhão, que lidera as investigações, informou que a mãe do suspeito e alguns de seus amigos serão convocados para depor, com o objetivo de traçar um perfil mais completo da personalidade do jovem. No entanto, o motivo que levou à sua expulsão de casa ainda é um mistério. “A motivação será investigada”, afirmou o delegado.

 

As informações fornecidas pela Polícia Civil criam um cenário intrigante que levanta muitas questões sobre os acontecimentos que precederam o ataque ao bar. As investigações continuam em andamento e a polícia espera esclarecer todas as incógnitas em breve.

Compartilhe o artigo
Follow:
O Portal XV Curitiba é um dos principais sites de notícias de Curitiba, capital do Paraná. Reconhecido por seu compromisso com a verdade e a integridade jornalística, o portal se dedica a cobrir todas as facetas da vida na cidade.