Conecte-se conosco

Notícias

Mãe de adolescente de 16 anos morta em motel desconfia de assassinato; IML divulgou laudo

Publicado

em

Os peritos do Instituto Médico-Legal (IML) confirmaram que a adolescente de 16 anos que morreu na quarta-feira (20) após ir para um motel em Pinhais, na Região Metropolitana de Curitiba, sofreu um edema pulmonar. Apesar da informação, a causa da morte de Lívia Ziamini ainda não foi esclarecida.

 

Caso

 

A Polícia Civil de Pinhais, na Região Metropolitana de Curitiba, está investigando a morte de uma adolescente de 16 anos, na tarde de quarta-feira (20).

De acordo com os policiais, a Livia tinha ido com um rapaz de 29 anos para um motel da cidade, teve uma hemorragia, e foi levada para a Unidade de Pronto Atendimento (UPA), mas já chegou sem vida.

“Minha filha saiu de casa 13h10 para ir a um shopping. Quando era 14h14 eu já estava dentro do uber de Pinhais, minha filha já estava morta. Minha filha teve uma hemorragia tão forte que quando ela chegou na UPA já estava em óbito. Eles tentaram reanimar ela por muito tempo, enquanto eu estava lá fora”, contou Ana Paula Ziamini, mãe de Lívia.

 

 

 

 

 

Publicidade