fbpx
Conecte-se conosco

Notícias

Justiça nega pedido de liberdade com tornozeleira eletrônica para Edison Brittes

Publicado

em

Assassino confesso do jogador Daniel, Edison Brittes teve pedido de liberdade com uso de tornozeleira eletrônica negado pela justiça nesta sexta-feira. A decisão é da juíza Luciani Regina Martins de Paula. O empresário está preso desde novembro de 2018 na Casa de Custódia de São José dos Pinhais, e alegou ter matado Daniel porque o jgador teria estuprado a esposa de Edison, Cristina Brittes.

Loja de roupas online de Allana Brittes vira piada nas redes sociais

Cadastre-se gratuitamente em nossa newsletter
Cadastre o seu email
I agree to have my personal information transfered to MailChimp ( more information )
We respect your privacy

Comments

comments

NOTÍCIAS NO SEU WHATSAPP

PARCEIROS

#OEscândalo

MAIS LIDAS