Conecte-se conosco

Notícias

Haddad admite que Brasil pode crescer com agenda liberal de Bolsonaro

Publicado

em

O presidente Jair Bolsonaro e Fernando Haddad. Foto: AFP

O petista e derrotado na última eleição para presidente, Fernando Haddad, disse nesta quinta-feira (14) que o governo poderá trazer crescimento para a economia do Brasil com as políticas liberais, lideradas pelo ministro Paulo Guedes.

Haddad está em Nova York (EUA) para participar de um evento promovido pela “The People’s Forum”. Durante o evento, o petista comentou sobre a agenda liberal do governo.

“Temos que nos prevenir: ele vai adotar o neoliberalismo radical”, disse, referindo-se a Bolsonaro. “Em primeiro lugar gera um fluxo de caixa muito importante e dá fôlego, com a venda de ativos estatais, o que ocorreu com o primeiro mandato do ex-presidente Fernando Henrique Cardoso com venda de estatais, o que bancou a sobrevalorização do câmbio por quatro anos”, apontou Haddad, ao fazer uma comparação as políticas de privatização de FHC durante o seu governo.

Haddad ainda disse que o governo deve gerar crescimento na economia nos próximos 4 anos de governo, o que trará um alívio para o Planalto.

“Vamos ter crescimento em 4 anos porque estamos há 4 anos sem crescer e isso vai dar um respiro para o governo.”

As informações são do Estadão.

Cadastre-se gratuitamente em nossa newsletter
Cadastre o seu email
I agree to have my personal information transfered to MailChimp ( more information )
We respect your privacy

Comments

comments

AJUDE O XV!

PARCEIROS

TOPS DA SEMANA

Copyright © 2012 XV Curitiba