Curitiba registra valorização em todos os bairros da cidade nos últimos três meses

XV CURITIBA
4 Min Read
Foto: Roberto Dziura Jr/AEN

O mercado imobiliário de Curitiba tem apresentado uma valorização consistente em todos os bairros nos últimos três meses, de acordo com dados do Índice de Aluguel QuintoAndar Imovelweb, divulgado hoje. A análise abrange uma ampla gama de áreas residenciais na cidade e destaca uma tendência de crescimento nos preços dos imóveis em todos os segmentos.

A valorização dos imóveis em Curitiba reflete uma demanda contínua por propriedades na cidade, impulsionada por uma combinação de fatores, incluindo o aquecimento do mercado neste início do ano. Foi o 7º mês consecutivo de aumento nos preços dos novos contratos de aluguel na cidade. Em comparação com janeiro, a alta foi de 2,56%, com o preço médio de R$ 38,30 por metro quadrado – um recorde.

Bairros como Rebouças (19,7%), Bacacheri (18,8%), Cabral (17,9%), São Francisco (12,6%) e Cristo Rei (10,8%) fazem parte da lista de 29 localidades com aumento no valor.

Segundo o indicador, a alta acumulada em 12 meses chegou a 22,53%.  Trata-se de um patamar superior ao registrado nas outras cinco cidades analisadas pelo indicador (São Paulo, Rio de Janeiro, Belo Horizonte, Brasília e Porto Alegre). Entre os tipos de dormitório, os imóveis de dois quartos se destacaram em fevereiro. O aumento foi de 3,35% em comparação com janeiro. No último mês, o preço médio do m² desses imóveis foi de R$ 35,71. A alta acumulada em um ano chegou a 23,71%. 

“O mercado de Curitiba começa o ano com uma demanda ainda maior, o que tem puxado os preços para cima. E o que se vê é um crescimento dos valores espalhado por todas as regiões da cidade. Trata-se de um movimento esperado em razão da alta temporada de procura por aluguéis”, afirma Thiago Reis, gerente de Dados do Grupo QuintoAndar.

Apesar do recorde no preço, os consumidores ainda encontram espaço para negociar. Dados do Índice de Aluguel QuintoAndar Imovelweb mostram que o desconto médio das transações feitas em fevereiro foi de 3%.

“É um percentual maior que o registrado em janeiro e também que o verificado em fevereiro do ano passado. Por isso, o ideal é sempre começar as buscas mais cedo, já que as chances de conseguir um desconto melhor aumentam. Pesquisar bem os preços no bairro e de imóveis similares também ajuda”, afirma Reis.

Sobre o Índice de Aluguel QuintoAndar Imovelweb | Metodologia
A metodologia do novo Índice usa um modelo de preços hedônico, flexível, e incorpora dezenas de variáveis estruturais e locacionais para melhorar a qualidade e precisão dos dados. Fatores como tamanho, número de vagas de garagem, acessibilidade a escolas, entre outros, são levados em conta. Como resultado, o Índice se mostra um retrato fiel das tendências no mercado.

O Índice de Aluguel QuintoAndar Imovelweb substitui o antigo Índice QuintoAndar de Aluguel (e também o Index do Imovelweb). O novo Índice parte de uma base de dados maior e mais representativa.

Lançado em SP, Rio, Curitiba, Belo Horizonte, Porto Alegre e Brasília, o indicador tem periodicidade mensal.

Share this Article
Posted by XV CURITIBA
Follow:
O Portal XV Curitiba é um dos principais sites de notícias de Curitiba, capital do Paraná. Reconhecido por seu compromisso com a verdade e a integridade jornalística, o portal se dedica a cobrir todas as facetas da vida na cidade.