fbpx
Conecte-se conosco

Curitibanices

Cinco escolas municipais de Curitiba participam de olimpíada de robótica

Publicado

em

Foto: Levy Ferreira/SMCS

Estudantes de cinco escolas da rede municipal de ensino participam, neste sábado (10/8), da Olimpíada Brasileira de Robótica (OBR), que será realizada no Sesi Portão, das 9h às 17h30.

Estão inscritas as equipes de alta performance das escolas Maria Clara Brandão Tesserolli (Novo Mundo), CAIC Cândido Portinari (CIC), Coronel Durival Britto e Silva e Prefeito Omar Sabbag, ambas no Cajuru, além da Unidade de Educação Integral (UEI) da Escola São Miguel (CIC).

Cada equipe é composta por seis estudantes do 6º ao 8º ano do Ensino Fundamental. Em Curitiba, o organizador do torneio é o Instituto Federal do Paraná, o IFPR.

A OBR tem como objetivo despertar nas crianças e adolescentes o interesse por carreiras científico-tecnológicas, além de identificar jovens talentos e promover debates e atualizações no processo de ensino-aprendizagem brasileiro.

Segundo a gerente de inovação pedagógica da Secretaria Municipal da Educação, Silmara Campese Cezário, independentemente da profissão que o jovem escolha futuramente, a robótica ajuda no desenvolvimento de habilidades de raciocínio e de trabalho em equipe que serão úteis para toda vida.

“Temos excelentes resultados na rede, inclusive com premiações nacionais e internacionais”, ressaltou Silmara.

Regras

Podem participar estudantes de qualquer escola pública ou privada do Ensino Fundamental, Médio ou Técnico em todo Brasil.

A competição possui duas modalidades, prática e teórica, tanto para o público que nunca viu robótica quanto para escolas que já têm contato com robótica educacional. As atividades envolvem competições práticas (com robôs) e provas teóricas em todo país.

A modalidade prática é realizada em competições regionais e estaduais que classificam as equipes de estudantes para a final nacional.

Investimentos

As escolas municipais receberam este ano novos kits de robótica para os estudantes. O material, chamado microduíno, permite a montagem de protótipos e programação de robótica. A iniciativa reforça os investimentos da Prefeitura de Curitiba em robótica educacional. São mais de R$ 800 mil para que 94 escolas possam iniciar o trabalho com um novo kit adaptável a sistemas e materiais de diversas composições.

“É possível montar navios, aviões, robôs, enfim, tudo o que se pode imaginar. As peças são de fácil encaixe e esses itens vão enriquecer o material que as escolas já possuem para trabalhar com robótica”, explicou Estela Endlich, coordenadora de Tecnologias Digitais e Inovação da secretaria.

Cadastre-se gratuitamente em nossa newsletter
Cadastre o seu email
I agree to have my personal information transfered to MailChimp ( more information )
We respect your privacy

Comments

comments

MAIS LIDAS