CAIXA Cultural Curitiba promove “Semana da Mulher” com oficinas e atividades gratuitas com artistas, escritoras e fomentadoras da cena cultural

Intensa programação, que ocorre de 6 a 10 de março, reúne autoras, fotógrafas e artistas de diferentes áreas para conversas com o público. As inscrições são gratuitas e as vagas são limitadas

Felipe Almeida
6 Min Read

Capa – Cred Divulgação

A CAIXA Cultural Curitiba promove, de 6 a 10 de março, oficinas e encontros gratuitos com artistas femininas em comemoração ao Dia Internacional da Mulher. A abertura da Semana da Mulher contará com a presença da curadora da Pinacoteca de São Paulo, Lorraine Mendes, e da artista visual Miriane Figueira, na quarta-feira (6), das 19h às 21h, na conversa “Mulheres Negras na Arte: Uma Curadoria Possível”. Juntas, falarão sobre o papel de novas curadorias atentas às questões de gênero e raça na inclusão de novas artistas no mercado das artes visuais.

Lorraine, que é doutoranda em História e Crítica da Arte, foca a sua pesquisa no entendimento das representações do negro e da negritude na história da arte branco-brasileira. Já Miriane, que também é fotógrafa, editora e pesquisadora em memória e negritude, sendo idealizadora e gestora do projeto “Desapropriam-me de mim”, ganhador do Prêmio Funarte para Artistas e Produtores Negros (2014), anualmente circula pelas 10 regionais da Fundação Cultural de Curitiba com o projeto “Futuro Subjuntivo”.

Na quinta-feira (7), das 18h30 às 20h30, a CAIXA Cultural Curitiba promove a “Oficina Fazeduras Têxteis”, com a artista visual Eliana Brasil, membro do “Coletivo Ero Ere”, que expressa sua poética por meio de instalações têxteis, performances e intervenções urbanas. A proposta da atividade é que cada participante discorra sobre as memórias e sensações despertadas pelo crochê. Durante a dinâmica, o estímulo para a prática visa materializar a experiência de tecer e perceber como esse objeto construído de maneira coletiva pode ocupar um espaço de arte. Eliana Brasil apresenta, por meio de sua arte, questões sobre memória, cosmovisão, ancestralidade e pertencimento, assim como a identidade e autoestima da mulher preta.

Na sexta-feira (8), das 18h30 às 20h30, ocorre o bate-papo “Um Grande Dia Para As Escritoras”, com Giovanna Madalosso, que contará um pouco sobre a experiência de levar mais de 200 mulheres para espaços públicos com seus livros na mão, assim como suas colunas na Folha de São Paulo, que viralizam por expor a relação difícil das mulheres com seus corpos. Giovanna Madalosso, além de ser autora das premiadas obras literárias “A Teta Racional” e “Tudo Pode Ser Roubado”, também é uma das mentes por trás do movimento “Um Grande Dia Para As Escritoras”, que celebra e registra a presença de escritoras em diversas partes do Brasil e do Mundo.

No sábado (9), das 10h30 às 12h30, ocorre a oficina “Percurso Fotográfico com Brenda Pontes”, cuja proposta é a de reunir discussões sobre arquitetura e cidade, com atividades que serão desenvolvidas entre a CAIXA Cultural Curitiba e o Passeio Público. A dinâmica do processo não diz respeito apenas ao ato de fotografar com qualidade, mas também o de como perceber o ambiente com presença e transferir isso para a fotografia. Não há necessidade de ter conhecimento técnico ou possuir equipamentos profissionais, uma vez que as atividades serão realizadas com o celular. Brenda é arquiteta, urbanista e fotógrafa de arquitetura, home design e arte, e tem a paixão de explorar a percepção do espaço de forma individual e sensível pelas suas lentes.

Encerrando a Semana da Mulher, a CAIXA Cultural Curitiba promove, no sábado (9) e domingo (10),das 14h às 18h, a “Oficina de Cianotipia” com Pretícia Jerônimo, das 14h às 18h. A artista curitibana é especializada em Ferrotipia e Ambrotipia pela Penumbra Foundation, em Nova Iorque, e dedica sua pesquisa a estudos, desenvolvimentos e práticas de processos fotográficos históricos alternativos e analógicos.

A oficina busca pensar em um processo histórico, alternativo e que permita trazer novas possibilidades de pensamentos, de fazer artístico e de olhar para a fotografia, como a Cianotipia. A metodologia utilizada é a fotografia lenta (Slow Photography), como processo de construção e pensamento imagético, que vê a imagem como um processo lento e que pode ser compreendida e acompanhada no seu fazer, propondo outras formas de absorver o mundo visível.

Todas as oficinas têm inscrições gratuitas e podem ser feitas pelo site oficial da Caixa Cultural Curitiba. As vagas são limitadas.

Confira a programação completa da Semana da Mulher na CAIXA Cultural Curitiba:

Dia 06/03 – “Mulheres Negras na Arte: Uma Curadoria Possível”, mesa de abertura da Semana da Mulher na CAIXA Cultural Curitiba com a curadora da Pinacoteca de SP Lorraine Mendes e a artista visual Miriane Figueira.

Horário: 19h às 21h Duração: 150 min. Público: Livre | 125 vagas

Dia 07/03 – Oficina Fazeduras Têxteis com Eliana Brasil

Horário: 18h30 às 20h30 Duração: 120 min. Público: A partir de 16 anos | 20 vagas

Dia 08/03 – Sessão de bate-papo “Um Grande Dia Para as Escritoras” com Giovana Madalosso

Horário: 18h30 às 20h30 Duração: 120 min. Público: Livre |40 vagas

Dia 09/03 – Percurso Fotográfico com Brenda Pontes

Horário: 10h às 12h Duração: 120 min. Público: A partir de 16 anos | 25 vagas

Dia 09/03 e 10/03 – Oficina de Cianotipia com Pretícia Jerônimo

Horário: 14h às 18h Duração: 480 min. Público: A partir de 16 anos | 20 vagas

Share this Article
Posted by Felipe Almeida
Follow:
O Stereo Pop é um blog, criado pelo comunicador Felipe Almeida, que reúne tudo sobre filmes, séries, música, um pouco de games e o universo pop em geral, com uma linguagem despojada e informativa.