fbpx
Conecte-se conosco

Curitibanices

AGORA SIM! Maníaco do Sandero: suspeito é preso em Curitiba

Publicado

em

A Polícia Militar prendeu um homem que teria feito diversas vítimas de violência sexual em Curitiba desde o fim do ano passado. Por mais de duas semanas, as equipes policiais da PM levantaram informações e conseguiram fazer a prisão na tarde desta quarta-feira (08/01) na região central da Capital. No carro que estava com ele havia uma arma de fogo, uma faca e outros objetos utilizados para, conforme informações da PM, para intimidar as mulheres. O homem, de aproximadamente 30 anos, foi entregue à Delegacia da Mulher.

A prisão foi feita pelos policiais militares do 20º Batalhão de Polícia Militar (20º BPM), pertencente ao 1º Comando Regional da PM (1º CRPM), na Rua Francisco Torres, por volta de 17h20. Com informações obtidas por meio de um trabalho de levantamento de dados, as equipes conseguiram descobrir o paradeiro do suspeito.

“Desde a primeira tentativa de estupro, a PM já estava no encalço dele, procurando sua identificação por meio do COPOM, buscando relatos de vítimas, entre outras ferramentas de competência da instituição. A Polícia Militar sempre busca atuar com excelência, principalmente em situações como essa com bastante comoção popular, com reclamação de várias vítimas”, o supervisor de policiamento da Capital do dia, capitão João Waldemar Serpa Burger.

O carro, um Renault Sandero, era a característica mais marcante do modus operandi do homem que, teria usado o veículo para praticar os crimes. De acordo com as informações obtidas pela PM, o rapaz atraia as vítimas para próximo do veículo, e quando conseguia alguma aproximação, as forçava a entrar no Sandero para praticar o ato criminoso e, com uma faca em mãos, fazia ameaças para impedir qualquer reação.

Segundo o 20º Batalhão, o suspeito provavelmente tinha o cuidado de trocar as placas do carro antes de abordar as vítimas para evitar que fosse identificado. “Ele demonstra ser um indivíduo de alta periculosidade. Continuou cometendo os crimes mesmo com a divulgação dos casos; chegou a mudar o visual, trocou as placas do veículo e insistia em atacar as mulheres”, disse.

Ainda de acordo com a PM, o veículo ainda deve passar por uma perícia detalhada, mas foi possível verificar manchas nos estofados, que podem ser fluídos corporais. “Além das armas (um revólver de calibre .36, com cinco munições, e a faca), os policiais militares encontraram uma fita do tipo Silver Tape, também usada para amordaçar as mulheres durante o ato criminoso, e roupas femininas, além de um cacetete e um martelo”, disse ainda o capitão Serpa.

O homem foi encaminhado à Delegacia da Mulher, em Curitiba, onde já foi reconhecido por uma vítima, porém, não está descartada a possibilidade de que mais mulheres tenham sido abusadas por ele. “Orientamos que outras mulheres que tenham sido vítimas venham até a Delegacia da Mulher para fazer o reconhecimento se ele é o abusador noticiado amplamente na imprensa nas últimas semanas”, completou o capitão.

Cadastre-se gratuitamente em nossa newsletter
Cadastre o seu email
I agree to have my personal information transfered to MailChimp ( more information )
We respect your privacy

Comments

comments

NOTÍCIAS NO SEU WHATSAPP

PARCEIROS

#OEscândalo

MAIS LIDAS