Conecte-se conosco

Notícias

Advogado de suspeito de atacar mulheres em Curitiba afirmou que seu cliente queria apenas conversar

Publicado

em

O advogado de defesa de Rodrigo Luís de Carvalho, suspeito de atacar mulheres em vários bairros de Curitiba, afirmou em entrevista nesta quarta-feira (25) que seu cliente só se aproximava das mulheres para conversar e pedir telefone. 

 

“Nenhuma abordagem teve emprego de violência ou teve qualquer cunho sexual. Em conversa com ele, ele não nega, ele diz que realmente tem feito algumas abordagens, mas para troca de telefone, para conversa. Jamais teve qualquer ato libidinoso que é exigido para imputação do crime 215 de importunação sexual. Ele está aí, não se nega, não se furta a responder à Justiça na medida dos seus atos”, disse Altair Menetrier.

 

Questionado sobre o fato de seu cliente marcar consultas dermatológicas para assediar as médicas, o advogado informou que não tem conhecimento sobre o caso. 

 

“Essa informação ainda não tivemos acesso, desconhecemos o teor dessas informações. Ele é um indivíduo muito pacato, tranquilo, na maioria das vezes, ele se encontra em casa. Não é de frequentar bares, casas noturnas, e a família está chocada esperando o final desse veredito”, pontuou o defensor.