“Pipódromo” será novo atrativo do Parque Náutico do Iguaçu

O Parque Náutico do Iguaçu, na Regional Boqueirão, deverá ganhar mais um atrativo em breve. Trata-se de um "pipódromo", um espaço para as crianças soltarem pipas.

A ideia surgiu no último sábado (5/8), quando o prefeito Rafael Greca reabriu o Bosque Reinhard Maack, no Hauer, após as obras de revitalização. Ao ganhar uma pipa de um artista local, ele determinou que a Secretaria Municipal da Educação inclua oficinas de confecção do brinquedo nas escolas da Prefeitura. E sugeriu a implantação do espaço voltado para a prática no Parque Iguaçu, também na Regional Boqueirão.

Já estão em andamento os estudos necessários para que o ‘pipódromo’ seja oficializada junto ao Departamento de Parques e Praças da Secretaria Municipal do Meio Ambiente. De acordo com as equipes técnicas, o "pipódromo" precisa ocupar uma área verde mais aberta, sem a presença de muitas árvores ou de fiação elétrica para evitar acidentes e danos.

Haveria ainda a necessidade, de acordo com os técnicos, de regulamentar um novo espaço de comércio ambulante no local para que fosse permitida a venda das pipas e dos insumos para a construção do brinquedo. A área existente no Parque Iberê de Matos, também conhecido como Parque Bacacheri, já é tradicional entre os curitibanos e é um dos exemplos que podem ser seguidos pelo futuro espaço no Parque Iguaçu.

Foto Daniel Castellano / SMCS

Fonte: Prefeitura de Curitiba

Comments

comments

Deixe um comentário