Um dia histórico para o Paraná. Foi assim que o prefeito Rafael Greca definiu a posse de Cida Borghetti como governadora do Estado. Ela é a primeira mulher a ocupar o cargo. O prefeito acompanhou a solenidade de transferência do cargo, antes ocupado por Beto Richa, nesta sexta-feira (6/4), no Palácio Iguaçu.

Greca saudou a nova governadora invocando o nome do bairro curitibano onde ela cresceu. “Mercês, em português antigo e também em espanhol, quer dizer graça”, explicou ele. “É uma graça de Deus para o Paraná nós termos a menina das Mercês como nossa governadora.”

O governo de Beto Richa também foi ressaltado por Greca. Na avaliação do prefeito, Richa teve um papel importante na integração metropolitana. “Ajudou Curitiba a se aproximar das cidades vizinhas, a construir a ideia de que a Grande Curitiba é uma só”, avaliou.

Em seu discurso, Cida saudou o prefeito e a primeira-dama, Margarita Sansone. A governadora lembrou dos bons resultados obtidos pelo governo estadual nos últimos setes anos, mas disse acreditar na possibilidade ampliá-los. “Sempre haverá espaço para melhorar o que já foi feito”, salientou, ao lado do deputado federal Ricardo Barros.

Richa agradeceu a confiança dos curitibanos e paranaenses para ocupar os cargos de prefeito da capital (de 2005 a 2010) e governador do Estado (de 2011 a 2018). “Os mais importantes na hierarquia política do Paraná”, afirmou ele, acompanhado da secretária da Família e Desenvolvimento Social, Fernanda Richa. Ele disse ainda que Cida fará um bom mandato como governadora e a agradeceu pelo trabalho conjunto. “Muito obrigado, Cida, pela boa parceria em favor do Estado do Paraná e de toda nossa gente.”

Na cerimônia também tomaram posse Sílvio Barros, como secretário de Estado de Desenvolvimento Urbano, acumulando interinamente o cargo de chefe da Casa Civil; o coronel Maurício Tortato, como chefe da Casa Militar; Antonio Carlos Figueiredo Nardi, como secretário de Estado da Saúde; Lucília Felicidade Dias, como chefe de gabinete; o coronel Élio de Oliveira Manoel, no cargo de chefe do Estado Maior da Polícia Militar do Paraná; e a coronel Audilene Rosa de Paula Dias Rocha, primeira mulher no comando da Polícia Militar do Paraná.

 

Comments

comments