Um empresário, de 41 anos, do ramo automotivo, foi preso na manhã desta segunda-feira (07/05), por investigadores do 11º Distrito Policial (DP) da Capital, suspeito de estupro de vulnerável. O homem foi detido no momento em que saía da sua empresa localizada, na Rua Marte, no bairro Sítio Cercado, em Curitiba.

A Polícia Civil chegou até o suspeito depois que recebeu informações de que uma pessoa estaria com um mandado de prisão em aberto. A partir dessa denúncia, a equipe policial se deslocou até a região citada e efetuou a prisão do empresário. O homem possuía um mandado condenatório de 14 anos e quatro meses de prisão em regime fechado.

Segundo investigações, o homem é suspeito de ter abusado sexualmente da enteada. Na época que a polícia foi notificada sobre o crime, a vítima tinha 11 anos e disse que desde os 9 anos de idade vinha sendo molestada pelo padrasto. O Boletim de Ocorrência (BO) foi registrado pela mãe da criança assim que ficou sabendo dos fatos.

Na delegacia o homem nega o crime. Ele responderá pelo crime de estupro de vulnerável. O suspeito permanece preso à disposição do Poder Judiciário.

Comments

comments