Dois homens foram presos na manhã da última quarta-feira (18/04) no momento em que um deles tentou arrancar a corrente do pescoço de uma idosa, na Rua Marechal Deodoro, no Centro da Capital. O flagrante foi realizado por policiais civis da Delegacia de Furtos e Roubos (DFR) que efetuaram a prisão de dois rapazes, de 26 e 29 anos, ambos já estavam sendo investigados pela especializada. 

Cinco correntes, quatro pingentes dourados e uma corrente prata, além uma munição de fuzil calibre 762 intacta, foram apreendidos durante buscas realizadas na casa do rapaz, de 26 anos, na Rua José Biscaia, no bairro Santa Terezinha, em Araucária, Região Metropolitana de Curitiba (RMC). 

A prisão dos suspeitos aconteceu depois que uma equipe policial, que realizava diligências pelo Centro da cidade se deparou com os dois homens tentando tirar à força o cordão de uma mulher.
 
Segundo o delegado-adjunto da DFR, Emmanoel David, os suspeitos caminhavam pela calçada, em meio as pessoas, quando visualizaram uma possível vítima. "Em imagens captadas por uma câmera de segurança de um centro comercial, os suspeitos aparecem caminhando lado a lado instantes antes de abordar a vítima. Enquanto um tentou subtrair a joia da vítima e logo foi contido pelos policiais, o outro tentou correr, mas também acabou detido”, disse David.

Na sequência, os policiais foram até a casa do homem, de 26 anos, em Araucária, na RMC. No local, apreenderam as correntes e os pingentes de origem duvidosa. Uma munição também foi localizada. 

Conforme informações apuradas pela DFR, os dois suspeitos já contam com histórico criminal. O homem, de 29 anos, possuí passagens pelos crimes de roubo e furto, já o jovem, de 26, por tráfico de drogas.

Além do crime de tentativa de roubo, os suspeitos irão responder por posse ilegal de munição de calibre restrito. Ambos permanecem custodiados no Setor de Carceragem Temporária (Secat) da Delegacia de Furtos e Roubos de Veículos (DFRV), à disposição da Justiça.

Comments

comments